Tag Archives: meu marido na gravidez

Gestação x Paparicos

24 set

Só quem carrega dois corações ao mesmo tempo pode explicar o que passamos, sentimos e do que os hormônios são capazes de fazer com a nossa vida social e pessoal  durante a gestação.

Se você está ou esteve grávida sabe como é bom uns mimos, carinhos, paparicos e etc durante essa fase. Assim como eu, algumas mulheres acreditam que a gestação vai ser um momento de muitos paparicos e dengos… Acontece que as pessoas não estão no seu nível hormonal (e, em alguns casos, com um grau de sensibilidade abaixo do esperado) e você pode se frustrar esperando delas algumas coisas que não receberás.

Essa coisa de criar expectativas, sempre abalando a gente.

Então decidi escrever aqui agradecendo ao meu marido, por ter sido incrível. Conversava com nossa filha ainda na barriga, foi paciente e me deu muito carinho. Não fui do tipo de ter desejos no meio da noite, mas passei muito mal, com fortes enjoos e até derrame facial enfrentei pelo esforço repetitivo ao vomitar. Foi terrível, repito: terrível. “Nada entrava, tudo saía”. Ele foi amoroso e soube lidar com a situação com toda calma do mundo e carinho. Mesmo assim, eu exigia mais, vocês mamães me entendem eheheheh

Quem me deu amor e dengos durante a gestação sabe como foi marcante pra mim e até hoje eu lembro cada momentinho. No diário da Júlia eu coloquei as conversas que tinham com ela, inclusive as intermináveis da minha afilhada (que foi incansável comigo) e eu amava ou minha amiga do Canadá que, mesmo longe, me enviava msg todos os dias, escrevia e-mails, ligava…

Enfim, a gente carrega um coração a mais e algumas pessoas ainda não entendem como podemos ficar tão sensíveis e emotivas.

A gente sabe, né mamães?

beijinhos e contem como foi a gestação de vcs (com paparicos ou não)!!!

Livros! Qual você recomenda?

17 jun

É só descobrir a gravidez que ganhamos ou compramos livros sobre a gestação e, consequentemente,  a vida dos bebês.

Aí vem aquela enxurrada de informações sobre os cuidados e mudanças durante os nove meses (ou 10) e chega, então, no mais complicado e questionável: – seu filho: como cuidar, educar, amar, banhar, alimentar etc etc… Uma enxurrada de informações que deixa qualquer mãe doidinha.

Eu acredito mais na troca de experiência e a opinião de cada mãe. Não concordo com tudo que leio, mas reconheço que há muitas informações importantes.

Estes são os meus livros. Alguns viajam até “marte” e voltam com tantas dicas maluquinhas (como “Ponha ungento nas feridas, se tiver rachaduras pode usar pomada pra tetas de vaca e use bombinhas para tirar o leite” – não se faz isso (A Vida do BEBÊ) e ensinamentos como: onde ficam os braços e pernas do seu filho (O Guia do Papai), rimos muito aqui em casa e aprendemos também.

Destes, o meu preferido é O QUE ESPERAR QUANDO VOCÊ ESTÁ ESPERANDO. Deixo sempre meu instinto falar em primeiro lugar, mas este livro fala das mudanças nos papais e mamães durante a gestação (psicológica e hormonal). Já vendeu 34 milhões de exemplares e chega, agora, às telas brasileiras, no início de agost

O filme (What To Expect When You’re Expecting) retrata casais às voltas com a primeira gravidez. E adivinhe quem é o casal protagonista? Rodrigo Santoro e Jennifer Lopez.

Por isso, você que leu, praticou, descartou, amou ou não gostou de algum livro, dê sua opinião aqui no blog para ajudar outras mamães. Até mesmo se colocou algo em prática (e deu ou não deu certo).
As mamães aguardam suas respostas e sugestões!

bjinhos!!!

%d blogueiros gostam disto: