As vacinas da Julinha!

22 jun

Todos nós sabemos da importância das vacinas para proteção de nossos filhos, desde o primeiro mês.

Segundo a Agência Nacional de Saúde (pediatras e pais) por se tratar de uma criança recém nascida e em alguns casos, prematuras, com baixa imunidade, a atenção deve ser redobrada no que diz respeito à saúde, principalmente quando o assunto é a prevenção a doenças.

No caso da Julinha é redobrado. Ela terá que repetir as vacinas do 2 mês quando chegar aos 4 meses.

No dia 19 de junho fomos levá-la para tomar as seguintes vacinas:

1. Hexavalente (vacina combinada: Tetravalente + Pólio Inativada+ Hepatite B, respeitando o intervalo entre doses da vacina contra Hepatite B) em uma única aplicação.

2. Rotavírus

3. Pneumocócica Conjugada

A pedido da pediatra, levamos nossa filha para uma clínica particular (Hexa não tem no posto). Ela tomou as duas espetadinhas (chorei mais que ela) e uma via oral. Levamos o remédinho pra casa em caso de febre.

Há muitas provas concretas e científicas das diferenças em vacinar (quando pode-se optar) no posto ou na clínica.

Prefiro deixar a discussão para os profissionais e mamães aqui no blog.

A Júlia não teve reação. Continuou mamando super bem, não sentiu dores na região e nem ficou dodói. Eu adorei! Aaaa… e as enfermeiras foram muito carinhosas com ela.

E para as mamães, papais, titias ou vovós que ainda não levaram seus babys para vacinar contra Poliomielite (causador da paralisia infantil), ainda dá tempo.

Bom saber:

Santa Catarina está em primeiro lugar na imunização contra a poliomielite. O Estado registrou, até segunda-feira (18.06), a vacinação de 278.852 crianças de zero a quatro anos, totalizando um índice de 67,69% de imunizados. A estatística deixa os catarinenses líderes na campanha nacional. Na Grande Florianópolis são 71,81% de vacinados.

O Brasil está há 23 anos livre da poliomielite ou paralisia infantil.

Vamos dar atenção a este assunto e estimular todas as famílias sobre a importância da vacinação.

Bjinhos para todos os babys!

5 Respostas to “As vacinas da Julinha!”

  1. Monique Guerra 22 de junho de 2012 às 3:11 #

    Amiga, a Gabi tb não teve reação no 2º mês, mas teve no 4º e no 6º, mas nada demais só febre… Vc está certíssima… Beijos

    • cheirinhodemae 22 de junho de 2012 às 19:17 #

      Que bom amiga! Foi particular tb? Mtas crianças tem febre nas vacinas do segundo mês né! Bjssssss

      • cheirinhodemae 26 de junho de 2012 às 2:02 #

        Foi particular amiga, a do primeiro mês é que foi no posto!
        bjooooos

  2. André Luiz 22 de junho de 2012 às 11:19 #

    Bom dia

    Rê, referente as vacinas no posto de Saúde, não temos nada a reclamar. Sempre fomos bem atendidos e nunca tivemos problemas.
    O Henrique foi + previlegiado do que o Lucas, pois algumas vacinas que antes eram só particulares, agora estão dando nos postos de Saúde e sem dizer o dinheiro que economizamos.
    As vacinas particulares sempre foram dadas na Clinica Santa Helena, onde sempre foi o local + barato.

    Bjão na Julia.

    • cheirinhodemae 22 de junho de 2012 às 19:16 #

      Oi André! Isso mesmo! A Ju tb! Foi no posto no primeiro mês, em campinas. A enfermeira já disse q ela não teria direito ao dobro de vacinas e foi super antipática. A pediatra teve q fazer pedido e eu mostrar na caderneta dela q abaixo de 34 semanas é o dobro. Na Santa Helena foi tudo ótimo e o q não tiver no posto continuaremos dando lá! Bjo na família!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: